14 abril 2015

PASSARINHA

Sinopse: No mundo de Caitlin tudo é preto ou branco. As coisas são boas ou más. Qualquer coisa no meio do caminho é confuso. Essa é a máxima que o irmão mais velho de Caitlin sempre repetiu. Mas agora Devon está morto e o pai não está ajudando em nada. Caitlin quer acabar com isso, mas como uma menina de onze anos de idade, com síndrome de Asperger ela não sabe como. Quando ela lê a definição de encerramento ela percebe que é o que ela precisa. Em sua busca por ele, Caitlin descobre que nem tudo é preto ou branco, o mundo está cheio de cores, confuso e bonito.

Autor: Kathryn Erskine 
Editora: Valentina
Páginas: 224
Tipo: E-book

 Mesmo sem ler a sinopse eu já sabia que Passarinha iria me comover inexplicavelmente e eu estava mesmo certa. Caitlin é uma garotinha de dez anos especial em todos os sentidos. Portadora da Síndrome de Asperger ela passa por um momento devastador na sua vida e na do seu pai que sofrem com a morte de sue irmão mais velho Devon - Devon Joseph Smith -, assassinado brutalmente junto a outros por um aluno de sua escola. Caitlin não entende muitas das emoções que vê passar pelo rosto de sue pai e apesar de compreender porque Devon não está mais com eles nega-se a aceitar os novos sentimentos que o seu pai vive desde a tragédia que chama de 'O Dia Em Que Nossa Vida Desmoronou'.


 Em busca de uma solução para isso, ela uma verdadeira apaixonada por palavras depara-se com algo que não conhecia: O Desfecho. Levada por esta curiosidade Caitlin decide que é a hora de encontrar o Desfecho para sua vida e a do seu pai, que os ajudará a passar pelo momento delicado de suas vidas e assim, ajudaras pessoas da escola e da cidade que foram afetadas pelo tão recente acontecimento.

 Passarinha nos trás o ponto de vista peculiar de uma criança especial sobre a tragédia que abalou vidas. A leitura é um tanto confusa no princípio já que, como a própria Caitlin nos narra a história despensa muitas das regras de pontuação e formação de textos só depois de estarmos a vontade na mete da personagem iremos identificar diálogos e pensamentos e ligá-los a cada personagem sem qualquer dificuldade. Ela também tem pequenos vício de escrita como escrever a silaba tônica de palavras acentuadas em maiúsculo.

  O livro foi baseado na trágica história real da Virginia Tech nos Estados Unidos. Por cauda da doença, Caitlin tem dificuldade de compreender muitas coisas e por isso prefere tudo muito claro, é pragmática e puritana e apesar de todas as dificuldades de se relacionar, entender as pessoas e o mundo tem uma visão bem mais clara da realidade que a maioria das pessoas.


 Enfim, não preciso dizer que a capa maravilhosa do livro foi o que me convenceu a lê-lo e que arrependimento passou muito longe de mim fiquei inteiramente encantada e perceptivelmente emocionada com toda a história.


 Completamente apaixonada,

 Milla Almeida.


Q u o t e s :

"Livros não são como pessoas. Livros são seguros." 
"Não gosto de gente Expansiva. Nem efusiva. Nem extrovertida. Nem gregária. Nem qualquer uma daquelas palavras que vão encher meus ouvidos de barulho." 
"As pessoas dizem que não se pode julgar um livro pela capa, mas isso não é verdade porque a capa diz exatamente o que tem dentro. E não importa quantas vezes você leia aquele livro e as palavras e imagens não mudam."

Nenhum comentário:

Postar um comentário