12 agosto 2015

CLUBE DA LUTA

Sinopse- Romance controverso, adaptado para o cinema em 1999, faz uma reflexão sobre o fascínio que a violência exerce no homem contemporâneo. Chuck Palahnuik, jornalista e escritor, mostra um grupo de jovens que transformam a violência em uma necessidade, quase uma purificação.

"Nós somos os filhos do meio da história, sem propósito ou lugar. Não tivemos Grande Guerra, não tivemos Grande Depressão. Nossa grande guerra é a guerra espiritual, nossa grande depressão é a nossa vida. Fomos criados pela televisão para acreditar que um dia seríamos ricos, estrelas de cinema e do Rock. Mas não seremos. E estamos aos poucos aprendendo isso. E estamos muito , muito revoltados".
AutorChuck Palahniuk
Paginas: 272
Nota 5/5


Não há satisfação maior para um leitor que ver suas expectativas diante a uma leitura, superadas e assim foi com O Clube Da Luta.

Iniciei Clube da Luta por indicação e como disse, com expectativas acima do permitido, o livro inicia de uma forma tensa e saborosa, num cenário acinzentado de ameaças dez minutos antes de uma explosão colossal, dois personagens estão prestes a achar o seu final.


A historia é contada em primeira pessoa por xxxxxxxxxxxxx, que relata seu problema voraz de insônia e como chegou a lastimável cena que encontramos no início do livro. 

Enganado por si mesmo, ele segue sua vida cheia de regras e ambições irreais até conhecer Taylor, seu algoz nas primeiras páginas.

 A relação desses dois personagens torna-se tão íntima como a de um só, tornando-se quase intrínsecos. Juntos irão fundar o clube da luta onde homens, como eles, irão extravasar suas frustrações e medos numa luta corpo a corpo cuja única regra é cesssar quando o outro pedir.

O que vemos ao decorrer da história é que, o clube da luta, tornou-se muito mais que uma simples meio de interagir, as intenções de Taylor para sua criação seguem uma psicologia lúgubre criada pela sua personalidade excêntrica dando ao livro um enrredo espetacular com promeças de revira voltas enlouquecedoras.

Não há palavras capazes de descrever a surpresa devastadora que encontramos na leitura das últimas páginas desse livro. Com uma narrativa excitante e inenarrável. O autor nos faz refletir sobre a vulnerabilidade do homem e sua constante necessidade de desatrofiat seus monstros, criando dogmas pessoais aos quais se apega e a necessidade de criar e seguir algo mais forte e encorajador antônimas a sua realidade.


Taylor é, aquilo que nenhum de nós é capaz de ser. Aquela parte desafiadora e imprudente do nosso ego que carregamos corvademente intrínseco a nossas entranhas, marginais aos nossos princípios.

Eu li e recomendo a leitura dessa obra, além de indicar o filme.

Beijos, Milla Almeida.

8 comentários:

  1. Achei o livro um pouco chato,já lí várias resenhas sobre ele,falando mal ou até coisas piores sobre o livro,mais vou pesquisar um pouco mais.
    Adorei seu blog,Abraços.
    .
    www.garotoaocubo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oiee ^^
    Li esse livro há algum tempo (ano passado, se não me engano), mas acabei não curtindo muito. Acho que eu não entendi bem a história, não sei o que aconteceu...haha' Mas andei encontrando várias resenhas positivas sobre ele recentemente, e isso me deixou curiosa para reler. E é o que eu vou fazer :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Acho que é a primeira resenha positiva que leio sobre esse livro.
    Ainda não vi o filme mas quero muito ver para se vale a pena a leitura
    Adorei sua resenha

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ainda não vi esse filme, e nem li esse livro, pois o tema nõa é algo que me agrada muito.
    Achei interessante você ter gostado, e me deixou curiosa pra ler ele também.

    ResponderExcluir
  5. Ola
    Eu assisti o filme há muito tempo atrás e lembro que gostei Brad Pitt rsss, com relação ao livro não seria uma leitura do momento devido a correria, mas sua resenha com essas cenas tensas me deixaram curiosa. Vou ler assim que sobrar um tempinho. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Oii, tudo bem?
    Eu estou com o livro aqui já faz um tempinho e varias pessoas vivem me dizendo para ler ele, mas um sempre acaba passando na frente rsrs, mas ele vai ser uma das minhas próximas leituras com certeza.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oii,
    Já li muitas resenhas sobre o livro mas nunca consigo me interessar o suficiente.
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  8. Oii
    Gostei muito da sua resenha, eu conhecia o livro claro, mas acho que é a primeira resenha que leio sobre ele. Não o conhecia assim, a história me parece ser interessante... vou colocá-lo na linha lista
    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir