26 agosto 2015

ENTRE O AMOR E A VINGANÇA

SinopseO que um canalha quer, um canalha consegue... Uma década atrás, o marquês de Bourne perdeu tudo o que possuía em uma mesa de jogo e foi expulso do lugar onde vivia com nada além de seu título. Agora, sócio da mais exclusiva casa de jogos de Londres, o frio e cruel Bourne quer vingança e vai fazer o que for preciso para recuperar sua herança, mesmo que para isso tenha que se casar com a perfeita e respeitável Lady Penélope Marbury.

Após um noivado rompido e vários pretendentes decepcionantes, Penélope ficou com pouco interesse em um casamento tranquilo e confortável, e passou a desejar algo mais em sua vida. Sua sorte é que seu novo marido, o marquês de Bourne, pode proporcionar a ela o acesso a um mundo inexplorado de prazeres. Apesar de Bourne ser um príncipe do submundo de Londres, sua intenção é manter Penélope intocada por sua sede de vingança – o que parece ser um desafio cada vez maior, pois a esposa começa a mostrar seus próprios desejos e está disposta a apostar qualquer coisa por eles…

…até mesmo seu coração.
Páginas: 304
Autor: Sarah Maclean
NOTA 3/5

Uma narrativa diferente do convencional para o gênero e protagonistas fortes, convictos e determinados, guiados por suas ambições e desejos, envoltos em mistérios sentimentais.


No livro, vamos conhecer Penélope, uma moça bonita, rica, 29 anos e solteirona segundo a sociedade e o Lorde Bourne, um homem rico - e burro - que perdeu tudo que tinha em uma mesa de jogos. Até então, não entendemos como esses personagens podem enfim, acabarem sendo unidos pelo destino até que a autora nos mostra ser possível.


Anos mais tarde e disposto a se vingar do homem que ganhou seus bens e sua propriedade no jogo de cartas, Bourner fará o que for preciso para conseguir. Hironicamente, o pai de Penélope, compra a então ex propriedade que Bourner perdeu em jogos e adiciona ao dote dela para aumentar as chances da filha finalmente se casar, e encontramos então o ponto onde esses personagens irão finalmente se encontrar.

Para a nossa surpresa, Penélope e Bourne são velhos amigos de infancia, cuja relação foi desgastada e esquecida com o passar dos anos e após inúmeras cartas jamais respondidas. Passamos então a torcer pelos personagens e odia-los inúmeras vezes, numa inconstância autroz.

A autora desenvolve uma história impossível de ser predescrita, nos tornando vulneráveis ao seus caprichos já que somos incapazes de adivinhar o que está por vir.


A narrativa nos desloca, muitas vezes, para um mundo contemporâneo já que os personagens, principalmente a Penélope, tem uma postura e conduta completamente díspar a sua época. Eis então, que a minha dificuldade com romances de época aflora já que, é difícil associar personagens tão atuais a um cenário tão tradicionalista envolto em dogmas do seu período.

Apesar da leitura deliciosa, dos personagens marcantes e esperituosos e da belíssima capa, naao consegui dar mais que 3 estrelas para o livro dada a minha dificuldade de criar e associar os personagens ao período temporal em que sua história passa.

Enfim, recomendo a leitura pois ela vai te deixar arfante. E apesar de ser o primeiro de uma série é impossível imaginar o que está por vir.

Beijos, Milla Almeida.


5 comentários:

  1. Olá, Milla.
    Alguns livros de época modernos realmente apresentam problemas com a tal "temporalidade" das atitudes. Isso acontece, acredito, por falta de atenção do autor ou falta de conhecimento.
    O livro talvez mereça uma chance por fugir do padrão desse tipo de livro.
    Quem sabe eu leia.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se ler, depois quero ver a resenha. O livro é legal mas esse díspar tempo/comportamento me atrapalhou muito.
      Bjs.

      Excluir
  2. Olá Milla! Atitudes de época precisam fazer parte dos livros de época... também já li "Entre amor e a vingança" pq adoro livros assim, mas tive o mesmo problema de associação.
    Parabéns pela resenha!
    Bjss

    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isa. Você é uma das pouca pessoas que assim como eu teve essa dificuldade.
      Obrigada pela participa.
      Bjs.

      Excluir
  3. MIla, depois do clube do livro comprei ele porque fiquei bem curioso, agora estou aqui aguardando um tempo para ler. Leituras acumuladas e livros novos...Não dão certinho juntos.

    Bjão.
    - Diego, Blog Vida e Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir